Duplicação da Feira-São Gonçalo revitaliza os dois municípios

Em Busca da RazãoFeira de Santana

Duplicação da Feira-São Gonçalo revitaliza os dois municípios

EDITORIAL DA SEMANA

Crédito: Divulgação

A duplicação da rodovia estadual BA-502 é uma necessidade para revitalizar a economia dos municípios de Feira de Santana e São Gonçalo e, principalmente, evitar gargalos no escoamento da produção das indústrias instaladas nos núcleos do Centro Industrial do Subaé (CIS). 

alerta é do ex-presidente do Instituto Pensar Feira, Edson Piaggio, ao lamentar o congestionamento frequente existente nesta rodovia em função de ser de pista simples. Os núcleos industriais instalados em São Gonçalo e Feira de Santana atuam em sintonia como um grande centro de fornecimento de bens e serviços.  "A duplicação da rodovia resulta numa aproximação entre os dois municípios, o que é muito importante para o desenvolvimento da região. Como resultado, termina alavancando o desenvolvimento econômico". 

Piaggio observa que muitas pessoas trabalham em Feira de Santana e residem em São Gonçalo, devido a Cidade Jardim ser acolhedora, confortável e estar bem próxima da segunda maior cidade baiana. "Mesmo assim, temos poucas informações sobre o desenvolvimento do projeto de duplicação da rodovia", lamentou

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quinta, 11 Agosto 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/