Ponto e Vírgula 17/05/2024

Ponto e Vírgula 17/05/2024

Sobe - Comunidade do Feiraguay, pelas doações em larga escala para vítimas das cheias no RS.

Desce - Vereador que propõe retirada de mata para prevenção de desastres de alagamento.
Reunião

O prefeito Colbert Martins (MDB) anunciou que já enviou um ofício ao Ministério da Justiça solicitando uma audiência formal com o ministro Ricardo Lewandowski. "Feira de Santana está sendo destacada por pesquisas internacionais como a cidade mais violenta do Brasil. Isso não é uma questão meramente policial, mas de governo e de justiça. Quem é responsável pela segurança pública na Bahia é o governo do estado, e precisamos de uma ação coordenada com o governo federal para enfrentar esse problema," afirmou Colbert.

Questão humanitária

O prefeito destacou que a violência não deve ser tratada apenas como estatística, mas como uma questão humanitária. "Quem morreu tem nome. Homens, mulheres, famílias ficaram órfãs. Não podemos tratar isso como números. As pessoas precisam ser respeitadas vivas e, se necessário, punidas vivas, mas não podemos entender isso como um problema meramente policial," enfatizou.

Drenagem

Feira de Santana tem um Plano Municipal de Drenagem de Águas Pluviais praticamente pronto, mas a Prefeitura ainda não apresentou a proposta à Câmara e, portanto, o documento não saiu do papel. A necessidade de aprovar esta lei foi defendida pelo vereador Pedro Américo (Cidadania), como ação preventiva contra as crises climáticas que tem ocorrido no país ultimamente. O vereador informou que, na região do bairro Campo Limpo, há dois anos vem sendo tratado sobre o alagamento das casas, da maneira mais técnica possível. "Mas, só há solução paliativa, não estrutural. E para resolver, isto é, atenuar o quadro, o custo está em torno de R$ 40 milhões. No bairro Novo Horizonte são mais R$ 20 milhões", explicou.

Cultos

A capelania, igrejas e líderes evangélicos voltaram a realizar assistência religiosa a pacientes em tratamento nas dependências do Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), em Feira de Santana. A informação é do vereador Edvaldo Lima (UB), que durante pronunciamento na Tribuna da Câmara, parabenizou a direção da unidade de saúde estadual pela adoção da medida. Segundo o parlamentar, a decisão ocorreu logo após manifestação pública sua, reclamando da restrição da atividade.

Insatisfeitos

Apesar das aprovações dos projetos apresentados pelo governo Jerônimo Rodrigues (PT), na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), vem chamando a atenção o baixo quórum, principalmente dos deputados governistas, nas sessões de votação na Casa Legislativa. Os parlamentares aprovaram a urgência para a votação do pedido de empréstimo de R$ 2 bilhões ao governo baiano, a contragosto da bancada de oposição, liderada por Alan Sanches
(União Brasil), que foi orientada a votar contrário ao pedido, sob pena de perda do fundo eleitoral e desfiliação do partido. A apreciação da urgência, no entanto, contou apenas com a presença de 34 parlamentares governistas, em uma bancada formada por 42.

Vitória da Conquista

Um encontro realizado ontem (16), reuniu lideranças federais e estaduais em apoio à pré-candidatura da vereadora Lúcia Rocha (MDB) à prefeitura de Vitória da Conquista, no Sudoeste. O evento teve o objetivo de selar o apoio dos partidos Podemos e PRTB com a sigla da vereadora. Além do vice-governador e correligionário Geraldo Júnior, a vereadora recebeu o apoio do deputado federal e presidente nacional do MDB, Baleia Rossi; do presidente estadual do Podemos e deputado federal, Raimundo da Pesca; da secretaria de infraestrutura hídrica do estado, Larissa Gomes Moraes; entre outros nomes, como o presidente de honra do MDB, Lúcio Vieira Lima.

Nikolas Ferreira

O parlamentar bolsonarista Nikolas Ferreira é presença confirmada no seminário que discutirá o Sistema Nacional de Educação e o Projeto de Lei nº 235/2019. Os deputados Capitão Alden e Diego Castro, ambos do PL, confirmaram a participação do deputado no evento que acontece na capital baiana. Idealizado por Diego Castro, o debate ocorrerá no dia 24 de maio, às 13 horas, no auditório Jorge Calmon, da Assembleia Legislativa do Estado da Bahia (Alba). Além de Alden, Diego Castro e Nikolas, o deputado Gustavo Gayer também confirmou presença.

Punições

O TSE aprovou, ontem (16), por maioria, uma súmula que regulamenta a análise de casos de fraudes à cota de gênero. A cota obriga os partidos a lançarem um percentual mínimo de 30% de candidaturas femininas nas eleições. A súmula funcionará como um guia a ser aplicado pela Justiça Eleitoral em casos semelhantes nas instâncias inferiores.

Veja também:

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Segunda, 24 Junho 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/