Ponto e Vírgula 17/06/2022

Ponto e Vírgula 17/06/2022

Sobe - O feirense Thiago Aquino, por emplacar o hit 'Chip novo' em troféu de música do São João.

Desce - Governo federal, por permitir que cerca de 21,1 milhões de brasileiros vivam em situação de vulnerabilidade social nas metrópoles.

LOA 2023

Está aberta na Câmara de Feira de Santana a discussão do projeto do Poder Executivo que propõe a Lei de Diretrizes Orçamentárias para o Município em 2023. Na sessão de quarta (15), do Legislativo, foram lidos os pareceres favoráveis à tramitação da matéria, exarados pelas comissões de Constituição, Justiça e Redação e de Finanças e Orçamento. Após a leitura pela 1ª Secretaria da Casa, o vereador Professor Jhonatas Monteiro (PSOL) solicitou a suspensão da sessão para que houvesse um diálogo sobre o rito a que a proposta será submetida em plenário.

LOA 2023 I

Definiu-se que o debate vai continuar durante as sessões da próxima semana, quando todos os vereadores devem apresentar as suas emendas. As comissões terão 10 dias para apreciá-las, tempo que deve ser encurtado, na opinião do vereador. "Devemos reduzir esse prazo, para que possamos viabilizar a votação da LDO do próximo ano ainda este mês de junho", advertiu Monteiro. Considera que é importante ganhar tempo agora, na discussão e votação da LDO, para que se tenha um prazo maior visando a apreciação de outro projeto de grande magnitude para a população, a Lei Orçamentária Anual, no segundo semestre.

Central

Os conselheiros da 2ª Câmara do Tribunal de Contas dos Municípios acataram parcialmente, na sessão de quarta (15), representação apresentada pelo vereador Suesdras de Carvalho Dourado contra o prefeito do município de Central, Renato Pereira de Santana, em razão de irregularidades que caracterizam nepotismo na administração, no exercício de 2021. O relator do processo, conselheiro Mário Negromonte, multou o prefeito em R$1,5 mil e determinou que o mesmo regularize a situação das nomeações ilegais.

Jesus e a Bíblia

O presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou que Jesus Cristo "não comprou pistola porque não tinha" na época em que viveu, A declaração foi dada após a leitura de um trecho da Bíblia, em conversa com religiosos no Palácio da Alvorada. "Jesus os adverte: 'Agora, porém, quem tem bolsa, pegue-a, assim como a mochila de viagem; e quem não tem espada, venda a própria capa e compre uma'", disse o presidente citando o capítulo 22, versículo 36,do Evangelho de Lucas.

Radialistas

O presidente da República, Jair Bolsonaro, vetou integralmente projeto de lei que dispõe sobre a identidade profissional de radialista. O motivo do veto foi a percepção de que o esforço do governo federal em padronizar a identificação dos cidadãos seria prejudicada. O PLC 153/2017, de autoria do deputado federal André Moura (PSC-SE), garantia como prova de identidade em todo o território nacional a carteira de radialista emitida pelo sindicato da categoria.

Entidades LGBTQIA+

Geraldo Alckmin (PSB), pré-candidato a vice-presidente na chapa de Luiz Inácio Lula da Silva, se reuniu na quarta-feira (15), com representantes de duas entidades do movimento LGBTQIA+, a Aliança LGBTI+ e membros da diretoria da parada LGBTQIAP+ de São Paulo, que acontece neste domingo (19). A parada tem como tema "Vote com orgulho: por uma política que representa!" Com histórico conservador, Alckmin tem tentado se aproximar de segmentos tradicionalmente ligados à esquerda, como a comunidade LGBT, sindicalistas e sem-terra.

Venda direta

O Congresso Nacional promulgou a Lei 14.367, que autoriza os produtores e importadores de etanol a venderem diretamente aos postos de combustíveis. A Lei teve origem na Medida Provisória 1.100, enviada ao Congresso Nacional pelo governo federal, e que foi aprovada sem modificações, por isso é agora promulgada. Além de liberar a venda direta de etanol a postos de combustíveis, o ato faz ajustes na tributação de PIS/Pasep sobre a cadeia de produção e de comercialização de etanol hidratado combustível.

Vice

A ex-ministra da Agricultura Tereza Cristina (PP-MS) e o general da reserva Walter Braga Netto (PL-MG) são 'cotadíssimos' para o posto de vice, afirmou o presidente Jair Bolsonaro (PL). Segundo coluna do jornalista Guilherme Amado, da Metrópoles, o pessimismo que se abateu sobre a campanha de Bolsonaro, diante do risco de derrota já no primeiro turno para Lula (PT), fez com que voltasse a ganhar força a ideia de uma mulher ser candidata à vice-presidência. 

Veja também:

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Sexta, 03 Fevereiro 2023

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/