Chacina no MT: defesa diz que tiro em adolescente foi 'acidental'

BrasilCrime em Sinop

Chacina no MT: defesa diz que tiro em adolescente foi 'acidental'

Um dos assassinos morreu em confronto com a polícia; outro foi preso 

Crédito: Reprodução

O advogado Marcos Vinícius Borges, responsável pela defesa de Edgar Ricardo de Oliveira, um dos assassinos da chacina em bar de Sinop (MT), que vitimou sete pessoas, afirmou que o seu cliente atingiu a menina de 12 anos "de forma acidental". A declaração foi dada em entrevista à Band.

A adolescente Larissa Frazao de Almeida foi uma das sete vítimas da dupla. Em vídeo do circuito interno do bar, é possível ver que Edgar, responsável pelo disparo, atira na menina pelas costas após ela tentar fugir do bar. Seu pai também foi um dos assassinados.

Na ocasião, a defesa informou que Edgar tinha desavenças com uma pessoa que estava no bar devido à "prejuízos financeiros" e "problemas pessoais". O advogado também declarou que aguarda as investigações para apresentar uma linha de ação mais detalhada.

Edgar confirmou que era ele com a espingarda calibre 12 que aparecia no vídeo captado por uma câmera de segurança do bar onde houve a chacina. "Para a autoridade policial, ele ficou em silêncio, mas disse que teve animosidade com algumas daquelas pessoas", afirmou Marcos Vinícius.

O mandado de prisão contra Edgar é temporário, de 30 dias, mas pode ser convertida para preventiva. Ele já foi levado para a penitenciária .

O caso

Em ato que chocou o Brasil, dois homens mataram sete pessoas a sangue frio em um bar de Sinop na última terça, 21. O crime teria sido motivado por uma aposta de sinuca. Testemunhas contaram que, horas antes, os suspeitos estavam no local jogando sinuca e baralho e foram alvo de chacota após perderem a disputa e pagarem um total de R$ 4 mil aos vencedores.

Cinco homens com idades entre 35 e 48 anos e uma adolescente de 12 anos foram declarados mortos no local. A sétima vítima, um homem de 47 anos, chegou a ser socorrido, mas não resistiu. Uma mulher se salvou.

Um dos autores da chacina, Ezequias Souza Ribeiro,foi morto pela Polícia Militar na tarde de quarta-feira, 22, próximo ao aeroporto de Sinop. O momento da ação policial chegou a ser registrado em vídeo. Nas imagens, é possível notar o homem ferido sendo levado por viaturas a um pronto-socorro. No entanto, Ezequias Souza Ribeiro, de 27 anos, não resistiu aos ferimentos.

Vítimas:

Larissa Frazao de Almeida, 12 anos;

Orisberto Pereira Sousa, 38 anos;

Adriano Balbinote, 46 anos;

Elizeu Santos da Silva, 47 anos (morreu no hospital);

Getulio Rodrigues Frazao Junior, 36 anos;

Josue Ramos Tenorio, 48 anos;

Maciel Bruno de Andrade Costa, 35 anos. 

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quinta, 29 Fevereiro 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/