Interpol recebe imagens de suspeitos de hostilizar Alexandre de Moraes

BrasilInvestigação

Interpol recebe imagens de suspeitos de hostilizar Alexandre de Moraes

Polícia Federal aguarda Justiça da Itália

Crédito: Reprodução/Redes Sociais

Segundo fontes da Polícia Federal, a Interpol já recebeu as imagens das câmeras de segurança do aeroporto internacional de Roma que mostra a conduta de brasileiros suspeitos de hostilizar na sexta-feira (14) o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). No entanto, o material só pode ser encaminhado ao Brasil após liberação da Justiça italiana.

Ainda não há previsão de chegada desse material ao Brasil. Policiais próximos à investigação avaliam que este tipo de pedido costuma demorar, mas que o procedimento de Moraes tem andado rápido. As imagens, quando disponibilizadas, serão submetidas à perícia.

O ministro relatou ter sido chamado de "bandido", "comunista" e "comprado" por um grupo no aeroporto de Roma e que seu filho -o advogado Alexandre Barci de Moraes, 27 - sofreu uma agressão, fazendo com que os óculos caíssem no chão, na última sexta-feira (14).

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quarta, 17 Abril 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/