Retomada das aulas movimenta escolas em Feira de Santana

EducaçãoRede municipal

Retomada das aulas movimenta escolas em Feira de Santana

Retorno aconteceu na segunda, 21 

Crédito: Sara Silva

"Eu não via a hora das férias acabarem e eu poder voltar para a escola. Queria tanto encontrar meus amigos, fazer novas amizades e também conhecer a nova professora. Estava muito ansiosa", contou a estudante Paloma Silva Cerqueira, de 9 anos, que está no 4º ano na Escola Municipal Antonio Gonçalves da Silva, no Parque Ipê.

Assim como Paloma, uma grande parcela dos 53.426 estudantes matriculados na Educação municipal, retornaram às escolas nesta segunda-feira (21), para o novo ano letivo.

Na Escola Antônio Gonçalves, este primeiro momento foi de reencontros e acolhida. A unidade de ensino, que recentemente passou por serviços de manutenção, estava colorida para encher os corredores de vida com a presença dos alunos.

Os estudantes participaram de dinâmicas na quadra de esportes da escola e também já ficaram familiarizados com a sala de aula. A secretária de Educação, professora Anaci Paim, foi conferir de perto o início das atividades.

Assim, a gestora da escola, professora Gabriela Passos Moreira, disse que este período é marcado pela ansiedade de reencontrar os alunos. "Todos os anos, sempre na véspera da volta às aulas, não consigo dormir. Me sinto muito bem ao rever esses olhinhos brilhando de curiosidade, as crianças querendo brincar e se divertir, porque a escola também é isso. Aqui trabalhamos com o conhecimento, mas também com a construção de pessoas", ressalta a diretora.

Mais acostumados com o "novo normal", os estudantes mostraram que os hábitos adquiridos nos últimos dois anos já são parte da rotina: a utilização de máscara, álcool em gel e algumas outras medidas do protocolo de prevenção à Covid-19. Os abraços agora se dão na troca de olhares carinhosos.

Após uma longa jornada com aulas não presenciais, híbridas e apenas um período com presencialidade, a previsão de um ano letivo totalmente presencial anima professores, gestores e estudantes.

"Temos a melhor expectativa possível para darmos nossa contribuição à construção de melhores alunos e pessoas. Agora temos o foco 100% na sala de aula, tivemos um grande desafio no último ano com a distância, agora podemos estar mais perto deles até o final do ano", destaca a professora Lilian Andrade.

Com informações da Secom/PMFS.
 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Domingo, 07 Agosto 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/