Blocos infantis levam atmosfera encantadora ao terceiro dia de Carnaval no Circuito Osmar

CarnavalFolia da criançada

Blocos infantis levam atmosfera encantadora ao terceiro dia de Carnaval no Circuito Osmar

São cinco atrações voltadas ao público infantil

Crédito: Jefferson Peixoto/Secom/PMS

A abertura do terceiro dia de Carnaval no Centro foi marcada por uma atmosfera encantadora, colorida, cheia de confetes, brincadeiras e espumas. Com cinco atrações voltadas ao público infantil, o tradicional Circuito Osmar foi tomado por crianças e suas respectivas famílias a partir das 11h.

Comandada por Carla Perez, a Pipoca Doce, que contou com apoio da Prefeitura, abriu a programação no tradicional palco da folia, com o tema Anime – que faz referência aos desenhos japoneses. Vestida de Naruto, a artista iniciou a apresentação com os hits do axé music: "Tempo de Alegria" e a "Dança da Tartaruga". A artista também cantou canções consagradas entre o público infantil, como "Dança da Cadeira", "Superfantástico" e "Tindolelê".

"A gente gosta tanto dos desenhos japoneses. Então, quis fazer algo diferente. Anime é um trabalho tão bacana, que atrai crianças, adolescentes e adultos. Isso nos fez escolher o tema", revelou Carla Perez, antes do desfile.

O trio da ex-dançarina também contou com importantes participações durante a passagem. Além do DJ Raffa Maciel, estiveram presentes os palhaços Patati e Patatá e o cantor Xanddy Harmonia.

Marido de Carla, o pagodeiro estava fantasiado de Goku, personagem do desenho Dragon Ball, e valorizou o clima familiar proporcionado pelas atrações infantis. "Lógico que as crianças estão no primeiro plano, mas é um momento especial no Carnaval, porque une não apenas elas como os pais, tios, avós", afirmou.

Clima familiar – Fã de Carla Perez, Daniela Lima dos Santos, de 29 anos, compareceu com as filhas Gisele, Raíssa e Lunna para aproveitar a programação infantil. A foliã, natural de Salvador, aproveitou para parabenizar a Prefeitura pelo incentivo às entidades e blocos carnavalescos voltados ao público mirim. "É uma maravilha poder aproveitar com minhas crianças. Esse apoio é muito importante, pois, promove um momento exclusivo para nossos filhos, sem confusão e tumulto".

Ibéji – Outra atração do dia, a banda Ibéji, juntamente com a cantora Milly Vitória, levou o público mirim à loucura com um repertório repleto de músicas afros. O grupo, que completou 30 anos de história, trouxe como tema neste ano "A Chama do Rei! Símbolo de autoridade, justiça, purificação e equilíbrio".

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quarta, 17 Abril 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/