Conor McGregor: retorno ao cage ainda incerto em 2024

Lutas e Artes marciaislonga espera

Conor McGregor: retorno ao cage ainda incerto em 2024

Ex-campeão do UFC expressa frustração e descontentamento com adiamento e falta de comunicação 

Crédito: Reprodução/X @CR7Brasil

O renomado lutador de MMA Conor McGregor, conhecido como o maior astro do esporte, está prestes a iniciar o ano de 2024 sem uma perspectiva clara para seu retorno ao octógono. McGregor não luta desde julho de 2021, quando uma lesão na perna o afastou dos cages após o confronto contra Dustin Poirier. As expectativas para seu retorno em 2023 foram frustradas, e agora, o futuro permanece incerto.

O irlandês, ex-campeão peso-pena e peso-leve do UFC, esperava voltar à ação em 2023 após sua participação como treinador no reality show The Ultimate Fighter. No entanto, um impasse relacionado ao protocolo de antidoping da Agência Antidoping dos EUA (Usada) gerou polêmica em torno da data do tão aguardado combate contra Michael Chandler.

O protocolo exige que lutadores que saíram do grupo de testes da entidade passem por seis meses de exames antes de retomarem suas atividades no octógono. Embora McGregor tenha retornado oficialmente aos testes em outubro, abrindo a possibilidade de lutar em abril de 2024, nenhum anúncio oficial foi feito até o momento. O treinador de McGregor, John Kavanagh, indicou recentemente um possível adiamento para o meio do ano de 2024.

McGregor expressou sua frustração durante uma entrevista ao canal britânico "Talk Sport", onde desabafou sobre a falta de comunicação e o adiamento contínuo do seu retorno programado. O lutador destacou seu papel no esporte, afirmando: "Ninguém na história das lutas foi tratado da forma que estou sendo tratado neste momento. Estou esperando e esperando. Minha paciência está acabando".

A entrevista foi realizada em Riad, na Arábia Saudita, onde McGregor esteve presente no evento de boxe "Day of Reckoning". O atleta tem sido figura frequente em eventos de boxe na região e, durante o evento, sentou-se ao lado do jogador de futebol Cristiano Ronaldo. McGregor aproveitou a ocasião para promover a ideia de uma luta de boxe entre ele e Manny Pacquiao, buscando convencer Turki Alalshikh, ministro de entretenimento da Arábia Saudita, a viabilizar o confronto.

Em meio à incerteza sobre seu retorno ao UFC, McGregor explora oportunidades no mundo do boxe e mantém sua presença em eventos esportivos, enquanto os fãs aguardam ansiosos por seu retorno ao octógono. 

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quinta, 18 Julho 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/