Especialistas debatem crescente incidência de coqueluche em evento global

Saúde e Bem EstarPrevenção Vital

Especialistas debatem crescente incidência de coqueluche em evento global

Evento online abordará vigilância e imunização contra a coqueluche no Brasil e no mundo 

Crédito: Reprodução X (Twitter) - @VLSdirect

O Ministério da Saúde promove, nesta quarta-feira (19), às 14h, o webinário "Reemergência da Coqueluche no Mundo". Este evento visa atualizar os profissionais de saúde sobre a situação epidemiológica da doença e reforçar as medidas de vigilância e imunização no Brasil. Aberto ao público, o encontro será transmitido ao vivo e contará com a participação do diretor do Departamento do Programa Nacional de Imunizações, Eder Gatti.

Durante o evento, Gatti destacará que, enquanto a União Europeia identificou aumento de casos em 17 países, o Brasil conseguiu evitar surtos graças à vacinação. "Em maio, a União Europeia constatou aumento da coqueluche em pelo menos 17 países. No Brasil, não identificamos surto, graças à vacinação, mas não podemos abaixar a guarda", ressaltou o diretor. Recentemente, o Ministério da Saúde emitiu uma Nota Técnica recomendando a investigação de contatos de casos confirmados e a ampliação do uso da vacina Tríplice Bacteriana Acelular (dTpa) para profissionais de saúde em áreas específicas.

A coqueluche é uma doença altamente contagiosa, transmitida pela tosse, espirro ou fala. A vacinação, oferecida pelo Sistema Único de Saúde (SUS), é a melhor forma de prevenção. O esquema vacinal inclui três doses da vacina pentavalente nos primeiros meses de vida, seguidas de reforços com a vacina Tríplice Bacteriana (DTP) aos 15 meses e aos 4 anos de idade. Além disso, o SUS disponibiliza a vacinação para gestantes, puérperas e profissionais da saúde com a dTpa. Em 2023, todas as vacinas contra coqueluche apresentaram aumento na cobertura vacinal em comparação a 2022.

O evento será uma oportunidade crucial para reforçar a importância da vigilância contínua e da imunização para manter a coqueluche sob controle. A participação do público e dos profissionais de saúde será essencial para disseminar informações e práticas que possam prevenir novos surtos e garantir a saúde da população.

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Domingo, 14 Julho 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/