'Braço direito' de líder de facção no Calabar morre em Vilas do Atlântico

SegurançaLauro de Freitas

'Braço direito' de líder de facção no Calabar morre em Vilas do Atlântico

Leonardo Guedes Silva Santana, 29, usava tornozeleira e costumava ostentar armas

Crédito: SSP-BA

Um homem apontado como "braço direito" do líder de uma facção do bairro do Calabar, em Salvador, foi morto em uma ação policial em Lauro de Freitas, município da região metropolitana.

Leonardo Guedes Silva Santana, 29 anos, foi localizado na madrugada desta quarta-feira (22) no bairro de Vilas do Atlântico. 

Conhecido por ostentar fuzil e submetralhadora, ele usava tornozeleira eletrônica.

As informações são da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), que não detalhou por qual crime ele era investigado.

De acordo com a pasta, Leonardo foi avistado junto com um comparsa, com quem teria reagido à ordem de prisão. Os dois acabaram alvejados, foram socorridos para o Hospital Menandro de Faria, mas não resistiram. O nome do segundo suspeito não foi divulgado.

A Polícia informou ter apreendido com a dupla uma pistola calibre 9mm, um revólver calibre 38, carregador, munições, 140 pinos de cocaína, celulares, 20 euros e R$ 540.

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Segunda, 26 Fevereiro 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/