Ponto e Vírgula 02/06/2022

Ponto e Vírgula 02/06/2022

Sobe - Projeto realizado pela UEFS para investigar impactos da pandemia em Feira, que aprofundará questões como a saúde mental da população nos últimos 2 anos.

Desce - O baixo nível de investimento do PIB no Brasil, que segundo a FGV, em 2022 deve ser menor que o de 82% dos países do mundo.

E agora?

Enquanto o partido na Bahia está apoiando a chapa do PT, que tem um membro da sigla como pré-candidato a vice, lideranças e vereadores em cidades do Estado que pertencem ao partido - isso inclui a Câmara de Feira - posicionaram-se ao lado do pré-candidato a governo pelo União Brasil. O que surge de novo, é que em meio aos entraves, a pré-candidata à presidência da República pelo MDB, Simone Tabet anunciou que ainda neste mês virá à Bahia, com passagens por Salvador e Feira de Santana. O PT tem Lula como candidato à presidência e o União Brasil, Luciano Bivar. Colbert Martins já declarou que apoiará Tebet.

Zé Neto

Vice-líder da bancada do PT, o deputado Zé Neto (PT) irá debater a situação energética do país, a política de preços de combustíveis da Petrobras, a condição da Eletrobras, além dos projetos que tratam das matérias correlatas com o tema na casa e a importância estratégica do setor energético para o desenvolvimento do Brasil. "Discutir a política energética do Brasil é cuidar de toda sua infraestrutura, sobretudo diante da atual política de preços adotada pelo governo federal que entrega nossa soberania ao capital especulativo internacional'', disse.

Festa cancelada

Uma festa promovida por comerciantes do conjunto Viveiros foi cancelada pela falta de apoio da Polícia Militar. A crítica foi feita pelos vereadores Lulinha (DEM), e Petrônio Lima (Republicanos), que lamentaram o ocorrido. "Tem uma determinação de que a festa que não for dentro do calendário do Município, a Polícia Militar poderá cobrar o valor de R$ 4.700 reais e como é uma festa solidária, não se teve condições de arcar com a despesa", informou Petrônio.

Retirada

A Justiça eleitoral da Bahia determinou a retirada imediata de uma publicação das redes sociais do PT da Bahia que associa o pré-candidato ao Governo da Bahia do União Brasil, ACM Neto, ao presidente Jair Bolsonaro (PL). Na postagem, Neto aparece ao lado de Bolsonaro onde estão vinculados as palavras fome, desemprego, mercado caro, gasolina cara e autoritarismo. Enquanto do outro lado o pré-candidato petista ao Palácio de Ondina, Jerônimo Rodrigues está de mãos dadas com o ex-presidente Lula (PT) e junto a eles menções positivas como comida no prato, emprego, salário mínimo valorizado, gasolina barata e democracia.

Centrãoduto

O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), decidiu criar uma comissão especial para analisar o projeto de lei que trata de melhorias no setor energético, diz o Estadão. A proposta está no centro de uma polêmica envolvendo um "jabuti" bilionário que estava pronto para ser incluído no texto para bancar a construção de redes de gasoduto. O texto era apontado como o novo alvo para abrigar a emenda do "Centrãoduto", proposta sem nenhuma relação com o texto original do projeto e que pretendia instituir a obrigatoriedade de o governo construir milhares de quilômetros de gasoduto com recursos do pré-sal.

Debate

O debate organizado pela Frente Nacional dos Prefeitos com os candidatos ao Planalto em 2022 foi cancelado após Jair Bolsonaro (PL) e Luiz Inácio Lula da Silva (PT) informarem que não vão comparecer ao evento, que deveria acontecer na próxima segunda-feira (6). De acordo com o portal Metrópoles, todos os candidatos confirmaram a presença, menos os dois que lideram as pesquisas e têm evitado desgastes. Ciro Gomes, candidato do PDT, vêm criticando a postura de Lula e Bolsonaro de fugirem de sabatinas e debates.

Segundo turno

O presidente Jair Bolsonaro (PL) disse que só deve participar de debates eleitorais no segundo turno. "No segundo turno, vou participar. Se eu for para o segundo turno, devo ir, né, vou participar. No primeiro turno, a gente pensa. Porque se eu for, os dez candidatos ali vão querer todo o tempo dar pancada em mim. E eu não vou ter tempo de responder para eles. Vai fazer pergunta para outro, vão dar pancada em mim, depois a pergunta para outro", declarou.

Média móvel

Com a sinalização do Senado de que deve acelerar a apreciação do projeto aprovado pela Câmara que fixou teto de 17% para a cobrança do ICMS sobre combustíveis e energia, os secretários de Fazenda dos estados devem indicar, em audiência no STF com o ministro André Mendonça, prevista para hoje (2), a aceitação de uma "média móvel" para fixação do preço do diesel - cuja alta é tida como um dos principais fatores de impacto sobre a inflação dos alimentos.
 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Sexta, 03 Fevereiro 2023

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/

Cron Job Iniciado