Governo atrai indústria que pode gerar mais quatro mil empregos na Bahia

EconomiaEmprego

Governo atrai indústria que pode gerar mais quatro mil empregos na Bahia

O projeto visa atender 25% do mercado nacional nos primeiros cinco anos de operação 

O governo da Bahia deu um passo concreto para consolidar a atração de investimento de 2 bilhões de dólares para a instalação da primeira fábrica de painéis fotovoltaicos da América Latina. Durante audiência realizada nesta segunda-feira (8), o governador Jerônimo Rodrigues assinou um protocolo de intenções com a empresa alemã Si&Mex Solutions.

O projeto inovador visa atender 25% do mercado nacional nos primeiros cinco anos de operação e promete gerar 3 de mil empregos diretos e 4 mil indiretos, consolidando a Bahia como um polo industrial de relevância internacional no setor de energia renovável.

"É mais emprego, renda e desenvolvimento sustentável para a nossa Bahia", comentou o governador, em suas redes sociais, sobre a novidade.

A Companhia Baiana de Pesquisa Mineral (CBPM) terá uma participação de 5% no empreendimento, que será implementado na Bahia. A parceria inclui o fornecimento anual de 2 mil toneladas de quartzo e até 500 toneladas de sílica de alta pureza para os processos industriais da fábrica.

Reforçando a importância da transversalidade de governo para promover o desenvolvimento socioeconômico, o projeto está sendo construído também em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur), a Secretaria de Ciência e Tecnologia (Secti) e a Bahiainveste, além das secretarias da Fazenda (Sefaz) e do Desenvolvimento Econômico (SDE). 

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quinta, 25 Julho 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/