Câmara dos Deputados aprova mudanças na reforma do ensino médio

EducaçãoEnsino médio

Câmara dos Deputados aprova mudanças na reforma do ensino médio

Relator foi contra a inclusão do espanhol como idioma obrigatório

Foto: Gabriel Jabur / Agência Brasil
A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (9) novas mudanças na reforma do ensino médio, que agora segue para sanção presidencial. O substitutivo do deputado Mendonça Filho (União-PE) mantém o aumento da carga horária da formação geral básica de 1,8 mil para 2,4 mil horas nos três anos do ensino médio para alunos que não optarem pelo ensino técnico, mantendo a carga total em 3 mil horas. 

Além disso, os alunos deverão escolher uma área para aprofundar os estudos com as demais 600 horas entre linguagens, matemática, ciências da natureza ou ciências humanas.

A proposta tinha recebido alterações no Senado Federal, que foram derrubadas pelos deputados. Uma das mudanças eliminadas era a exigência de que o ensino médio tivesse no mínimo 70% da grade como disciplina básica, permitindo agora que os itinerários formativos possam abranger mais que 30%. 

Mendonça Filho também se opôs à inclusão do espanhol como idioma obrigatório, argumentando que isso criaria despesas públicas continuadas, mas afirmou que os estados podem optar por adotá-lo.

O deputado Felipe Carreras (PSB-PE) apresentou um recurso para retomar a obrigatoriedade do espanhol, defendendo que não se trata de uma imposição, mas de oferecer uma opção aos estudantes além do inglês.

Ele destacou que 70% dos estudantes que fazem o Enem escolhem o espanhol, reforçando a importância da língua no contexto educacional brasileiro.

Fonte: Agência Brasil 

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quinta, 25 Julho 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/