Mestre em kung fu e boxe chinês, feirense Jucivaldo Oliveira é campeão nacional

Lutas e Artes marciaisDestaque

Mestre em kung fu e boxe chinês, feirense Jucivaldo Oliveira é campeão nacional

Atleta disputou a vigésima oitava edição do Campeonato Brasileiro 

Mestre em kung fu e boxe chinês, feirense Jucivaldo Oliveira é campeão nacional | Crédito: Divulgação

Com certeza 2022, foi um ano especial para as artes marciais feirenses, um exemplo disso foi a conquista do décimo terceiro título nacional de Kung Fu e Boxe Chinês Sanda, do mestre Jucivaldo Oliveira. O feito aconteceu na disputa da vigésima oitava edição do Campeonato Brasileiro, que foi realizado no dia 4 de dezembro, no ginásio de esportes Mauro Pinheiro Ibirapuera, em São Paulo.

O evento contou com a participação de 12 estados e uma média de 1.500 atletas. O que valorizou ainda mais a conquista do mestre feirense Jucivaldo Oliveira. Em entrevista a reportagem do programa Geral Fight, o campeão brasileiro contou da experiência de representar a Bahia e Feira de Santana na competição nacional. "Disputar o brasileiro de kung fu e boxe chinês é uma experiência única, e representar meu estado e a minha cidade é melhor ainda. E conquistar o décimo terceiro título disputando com grandes mestres foi a prova que estamos no caminho certo", disse.

Jucivaldo Oliveira ao lado do grão mestre Edilson Moraes (centro), presidente da Federação Brasileira de Artes Marciais Chinesas e do mestre Valdivino (esquerda) | Crédito: Divulgação

Responsável por trazer a arte chinesa para a Bahia, o mestre Jucivaldo Oliveira contou um pouco do início da sua trajetória no esporte. "Eu comecei no kung fu em 1981, em São Paulo, na União Nacional de Kung Fu, com o mestre Akio Matsuura. No ano de 1996, passei a treinar e representar o grão mestre Li Kay e o mestre Edilson Moraes com quem estou até hoje nos estilos Garra de Águia e Boxe Chinês Sanda. Minha primeira academia foi em São Paulo, na Zona Sul, Jardim São Francisco, e se chamava Associação Lee Jun Fan de Kung Fu. Em 1992 retornei para a Bahia, especialmente para Feira de Santana. Em 1996, fundei a Federação Baiana de Kuoshu Wushu Tradicional junto com a academia San Kuan de Kung Fu. O boxe chinês tem em média 15 anos no Brasil", afirmou.

Jucivaldo, aproveitou para falar do calendário da Federação Baiana de Kuoshu Wushu Tradicional (FBKWT) para o ano de 2023. "Sobre o calendário de 2023, estarei realizando uma reunião com toda diretoria ainda este mês, para definirmos todas as ações da Federação Baiana de Kuoshu Wushu Tradicional, com relação às atividades esportivas e congressos técnicos. Tivemos dois anos de muito atraso por causa da pandemia, mas voltamos com tudo e tivemos um ano de 2022, de recuperação e resgate do boxe chines" ressaltou.

No final o mestre Jucivaldo Oliveira deixou uma mensagem para os amantes e simpatizantes das artes marciais chinesas. "A mensagem que deixo para os praticantes de artes marciais em especial as chinesas. Força, determinação, dedicação, foco e disciplina nos treinamentos diários, e acima de tudo paciência, força de vontade. Feira de Santana é um celeiro de grandes talentos. Desejo a todos um feliz natal cheio de luz, saúde, paz e harmonia. Um ano novo cheio de prosperidade e muita saúde energia proativa".

Veja também:

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quinta, 22 Fevereiro 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/