Bahia presta queixa após torcedor do Vitória cometer injúria racial

EsportesRacismo

Bahia presta queixa após torcedor do Vitória cometer injúria racial

Atacante Kayky foi vítima das ofensas

Crédito: Felipe Oliveira/ Divulgação/EC Bahia

O clássico Ba-Vi do último domingo (5) gerou uma lamentável reação nas redes sociais na última segunda-feira (30). Em uma postagem no Twitter, um torcedor do Vitória publicou uma imagem do atacante Kayky, do Bahia, comparado a um macaco. A postagem foi apagada, mas acabou sendo registrada por outros usuários e pelo clube, que repudiou o caso e prestou queixa contra o autor.

"Racismo e injúria racial são crimes imprescritíveis e inafiançáveis. Fizemos a denúncia junto ao Twitter e a mensagem de ódio de um torcedor adversário foi apagada - mas o print é eterno. Conta igualmente denunciada e boletim de ocorrência realizado junto à Polícia Civil da Bahia", escreveu o clube.

Responsável pelo único gol do jogo na Arena Fonte Nova, Kayky comemorou o seu gol imitando uma galinha, fazendo referência ao "Ba-Vi da vergonha" de 2018, quando o Rubro-negro perdeu para o Tricolor por W.O após ter jogadores expulsos e não ter a quantidade mínima em campo.

Na semana passada, o goleiro Rodolfo, do Doce Mel, foi alvo de ataques racista por parte de um torcedor do Vitória no Barradão. O caso foi repudiado pelo Leão através de nota. 

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Domingo, 03 Março 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/