Marcelinho Carioca vive momentos de tensão e é resgatado pela polícia

Esportessequestro relâmpago

Marcelinho Carioca vive momentos de tensão e é resgatado pela polícia

Ex-jogador passou mais de um dia em cativeiro após ser abordado por criminosos em Itaquaquecetuba

Crédito: Reprodução/X @liberta___depre

Marcelinho Carioca, ídolo do futebol brasileiro, enfrentou momentos de extrema tensão ao ser sequestrado e mantido em cativeiro por mais de um dia na região metropolitana de São Paulo. O ex-jogador, conhecido como Pé de Anjo, foi abordado por três criminosos na madrugada do último domingo em Itaquaquecetuba, quando retornava de um show de Thiaguinho na Neo Química Arena.

O sequestro ocorreu após Marcelinho, dirigindo um carro da Mercedes-Benz, chamar a atenção do grupo nas proximidades de sua residência. Segundo relatos do ex-jogador, ele dirigiu até a cidade para repassar ingressos a uma ex-colega de trabalho. Ao chegar em frente à casa da amiga, foi surpreendido pelos sequestradores.

"Eu estava chegando para conversar na frente da casa dela quando chegaram três indivíduos e me abordaram. Tomei coronhada na cabeça e depois não vi mais nada. Quando entrei no carro, colocaram o capuz e não vi mais nada. Tudo isso foi no meu carro", declarou Marcelinho em entrevista coletiva.

Após o sequestro relâmpago, os criminosos exigiram um pagamento de R$ 42 mil ao advogado do ex-jogador, ameaçando a vida dele e de uma mulher não identificada que também estava no carro. Marcelinho, temendo pela segurança, transferiu o montante em dois pagamentos via Pix, sendo R$ 30 mil na noite de domingo e R$ 12 mil na manhã de segunda-feira.

A Polícia Militar, ao encontrar o carro abandonado de Marcelinho, iniciou as investigações. O empresário do ex-jogador foi contatado pela PM, suspeitando da situação após o sequestrador chamá-lo de "irmão", não usando o termo habitual "doutor". Quando os criminosos exigiram R$ 200 mil, a polícia interveio, intensificando as buscas.

Um vídeo foi divulgado pelos sequestradores, onde Marcelinho aparece com o olho esquerdo roxo, confessando ter sido sequestrado pelo marido da amiga. Posteriormente, a polícia recebeu uma denúncia anônima que levou ao cativeiro, resultando no resgate do ex-jogador.

O sequestro de Marcelinho Carioca expõe a vulnerabilidade mesmo de figuras públicas, reforçando a importância das autoridades e da sociedade em combater a criminalidade. 

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Sábado, 22 Junho 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/