Rejeitado pelo Bahia, meia Danilo é convocado por Tite para Seleção Brasileira

EsportesSuperação

Rejeitado pelo Bahia, meia Danilo é convocado por Tite para Seleção Brasileira

Danilo encontrou no Cajazeiras-BA, a oportunidade que mudaria a sua vida  

Crédito: Twitter

Na manhã da última quarta-feira (11), Tite anunciou o nome dos convocados para defender a Seleção Brasileira na Data Fifa de junho quando a equipe canarinho terá dois amistosos pela frente contra a Coreia do Sul, Japão e Argentina, nos dias 2 e 6 do próximo mês, o compromisso diante da Argentina no dia 11 foi cancelado. O objetivo é preparar o elenco para a disputa da Copa do Mundo 2022, no Qatar.

A lista do treinador trouxe algumas surpresas entre elas a ausência de nomes como Hulk, Gabigol e Raphael Veiga. Já entre aqueles que foram selecionados por Tite um nome chamou atenção e foi a principal novidade entre os convocados. Trata-se de Danilo, meio-campista do Palmeiras de apenas 21 anos. O jogador é o 48º novato que Tite convoca desde o Mundial da Rússia.

A convocação do jogador, foi surpresa para o próprio Danilo que através de sua assessoria revelou que acreditou se tratar de uma brincadeira quando tomou conhecimento de sua convocação. "Eu estava dormindo quando recebi a notícia e até agora a ficha não caiu. O Gabriel Menino me ligou me dando a notícia e eu não acreditei. Achei que era brincadeira, mas só tenho a agradecer a Deus por esse momento que venho vivendo. Agradecer aos meus familiares, a todos aqueles que estão comigo nessa caminhada", afirmou Danilo.

A surpresa para o jogador não é à toa, Danilo enfrentou muitas dificuldades em sua trajetória. O meia nasceu em Salvador, capital baiana, e já foi rejeitado pelo Bahia, time da sua terra natal, porém encontrou jogando no Cajazeiras, a oportunidade que mudaria a sua vida. No Cajazeiras, Danilo disputava a segunda divisão do estadual, quando aos 17 anos chamou a atenção do Palmeiras.

"E não foi fácil até aqui. E também não será fácil daqui para frente, já que a cobrança será ainda maior. Poucos sabem das dificuldades que tive na base, do longo caminho que precisei fazer para chegar até aqui, mas consegui, consegui perseverar, e hoje com muita persistência, muito trabalho, os frutos estão sendo colhidos. Esta convocação não é só minha, é de toda a comissão técnica do clube, de todos os jogadores, funcionários e todos aqueles que me ajudaram de alguma forma. Espero dar o meu melhor, manter a boa sequência e aproveitar essa oportunidade.", contou o jogador.

Danilo foi emprestado ao Palmeiras em 2018, mas na base do clube paulista ficou apenas como reserva e, enquanto muitos companheiros de equipe eram promovidos ao profissional, o meia permanecia na categoria inferior. Entre a rejeição do Bahia e o banco na base do Verdão, o atleta pensou em desistir da carreira como jogador de futebol, mas foi quando em meados de 2020 um novo personagem entrou no seu caminho e lhe deu o reconhecimento devido.

"Ninguém tinha passado nada do Danilo para a gente. Eu morava praticamente no CT e, certo dia, o Wesley Carvalho, treinador do sub-20, estava dando um treino. Eu sempre acompanhava, já tínhamos puxado alguns jogadores para o time profissional, mas continuei observando de perto para ver se tinha mais alguém. Foi quando vi o Danilo jogar, e me impressionou muito a dinâmica dele, o jeito que dominava, que combatia o adversário, os passes verticais. Era um atleta diferente", relembrou Maurício Copertino, que na época era auxiliar do técnico Vanderlei Luxemburgo.

O ex-auxiliar, que atualmente é técnico do Asa de Arapiraca, time que disputa a Série D, contou como Danilo encantou Luxemburgo. "Quando acabou o treino, fui falar com o Wesley e perguntei quem era aquele volante canhoto. Ele disse: 'É o Danilo, era meia esquerda, mas como vocês chamaram o Gabriel Menino e o Patrick de Paula para a equipe principal, estou tentando adaptar alguns jogadores para ver se consigo encontrar um substituto.' Combinei com o Vanderlei e marcamos um treino com ele para o dia seguinte. Deu dois minutos, e o Luxemburgo veio falar comigo: 'O Danilo não desce mais para o sub-20'", revelou.

Naquele mesmo ano o jogador fez sua estreia no profissional, mais precisamente em 6 de setembro quando o Verdão venceu por 2x1 o Bragantino pelo Brasileirão. Desde então o jovem talento já atuou em 104 partidas pelo alviverde, conquistou cinco títulos e ainda foi eleito o terceiro melhor do último Mundial de Clubes, um dos fatores que pesou de forma positiva para sua convocação.

Foi esse desempenho no Mundial que fez com que o jogador entrasse no radar de Tite, como pontuou o próprio comandante da Seleção. "Danilo é um daqueles jogadores que estamos acompanhando naquele rol de 50 atletas, sempre atento a jogadores que estão surgindo. Essa grande sequência de jogos do Danilo o proporcionou (a convocação), como foi no Mundial de Clubes, jogos que acompanhamos ao vivo, visitas ao clube. Vamos buscando uma série de componentes que possam justificar essa escolha", comentou Tite.

O garoto da segunda divisão, que um dia foi rejeitado, atualmente é um dos cotados para defender a Seleção Brasileira no Catar, e já entrou na mira de clube europeus. O Verdão que é detentor de 80% dos direitos econômicos de Danilo, sabe que não será fácil manter o jogador, porém há pouco tempo atrás se blindou e estabeleceu que não venderia a joia com que tem vínculo até 2026, por menos de 15 milhões de euros (cerca de R$ 81 milhões na cotação atual). 

Com inflrmações Bolavip.

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Segunda, 15 Abril 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/