MPF investiga contratação emergencial de gestão do Hospital de Campanha

Geral​Feira de Santana

MPF investiga contratação emergencial de gestão do Hospital de Campanha

Hospital foi gerido pela S3 Estratégias e Soluções em Saúde 

Crédito: Divulgação
Na quarta-feira (6), através de portaria, o Ministério Público Federal (MPF) instaurou um inquérito civil para apurar supostas irregularidades em contratação emergencial, custeadas parcialmente com recursos federais, para gestão do Hospital de Campanha de Feira de Santana.

O equipamento destinado ao atendimento de casos da covid-19 foi inaugurado em 4 de junho do ano passado, e encerrou as atividades, na última quinta-feira (30). Segundo o prefeito Colbert Martins (MDB), o fechamento da unidade deve-se ao "processo normal, em razão da vacinação e o declínio da pandemia".

Segundo a portaria, as suspeitas eram relatadas em um procedimento preparatório instaurado a partir do declínio de um outro procedimento, oriundo do Ministério Público da Bahia (MP-BA). A investigação, vinculada à 5ª Câmara de Coordenação e Revisão, considera a necessidade de apuração dos fatos, segundo o MPF.

O Hospital de Campanha foi gerido pela Associação de Proteção a Maternidade e Infância Ubaíra - S3 Estratégias e Soluções em Saúde, entidade vencedora de licitação pública. O contrato inicial teve valor global de R$ 8.343.008,21. Diante do fechamento da unidade, o secretário de saúde de Feira de Santana, Marcelo Britto, afirmou que "se houver necessidade, reabriremos o Hospital de Campanha". 

A portaria foi editada pelo procurador Samir Cabus Nachef publicada no Diário Eletrônico do órgão, e editada na última terça-feira (5). O inquérito civil terá prazo de tramitação de um ano.
 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quinta, 18 Abril 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/