Chuvas na Bahia deixam 355 desabrigados e 6.802 desalojados, diz Defesa Civil

MunicípiosSaiba mais

Chuvas na Bahia deixam 355 desabrigados e 6.802 desalojados, diz Defesa Civil

O número total de atingidos chega a 60.732 pessoas 

Crédito: Divulgação

Com base em informações recebidas das prefeituras, a Superintendência de Proteção e Defesa Civil da Bahia (Sudec) informou, na tarde desta sexta-feira (2) os números referentes à população atingida pelas enchentes que ocorrem em algumas regiões do estado. Até a situação presente, são 355 desabrigados e 6.802 desalojados. O número total de atingidos chega a 60.732 pessoas.

Os números correspondem às ocorrências registradas em 43 municípios afetados. É importante destacar que, desse total, doze estão com decreto de "Situação de Emergência", são eles: Prado, Baixa Grande, Itabuna, Santa Cruz Cabrália, Cícero Dantas, Ibicuí, Itambé, Nova Viçosa, Vereda, Olindina, Cachoeira e Eunápolis. Não há registro de desaparecidos e nem de óbitos.

Os municípios afetados são: Baixa Grande, Cachoeira, Cícero Dantas, Ibicuí, Itabuna, Itambé, Nova Viçosa, Olindina, Prado, Santa Cruz Cabrália, Vereda, Aiquara, Caravelas, Floresta Azul, Itamaraju, Marcionílio Souza, Medeiros Neto, Wenceslau Guimarães, Ibotirama, Ibicaraí, Itanhém, Catu, Itapicuru, Aurelino Leal, Belo Campo, Cipó, Dário Meira, Guaratinga, Inhambupe, Ipiaú, Itapetinga, Itarantim, Itororó, Jitaúna, Juazeiro, Maragojipe, Pau Brasil, Santo Antônio de Jesus, São Félix, Sátiro Dias, Gandú, Teixeira de Freitas e Eunápolis.

Corpo de Bombeiros

O Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA) tem atuado nos municípios afetados pelas chuvas realizando, além do monitoramento, operações de resgate de pessoas em áreas de risco e orientando os moradores sobre as medidas preventivas. Uma dessas ações aconteceu em Ilhéus, na Vila Cachoeira, onde uma equipe trabalhou no atendimento a vítimas de um deslizamento.

No município de Aurelino Leal, o Corpo de Bombeiros monitora a elevação do nível do Rio de Contas. Assim como acontece na região de Itabuna, com o Rio Cachoeira. Em Cardeal da Silva equipes atuaram em áreas de alagamento com a retirada de moradores em regiões alagadas.

"Estamos atuando desde novembro na Operação Chuva. Tropas e equipamentos diversos, como viaturas e embarcações, estão sendo empregadas diuturnamente em reforço aos quartéis do nosso Estado", explicou o tenente-coronel BM Gabriel Penna, comandante da Operação Chuva.

A base da Operação Chuva está sendo em Ilhéus, onde os militares podem ser deslocados com mais facilidade para atuarem nas cidades atingidas na região sul, extremo sul e sudoeste, as mais afetadas.

Ações em rodovias afetadas pelas chuvas

A Secretaria de Infraestrutura da Bahia (Seinfra) está com a equipe técnica do órgão nas rodovias estaduais afetadas pelas chuvas desde a última semana, realizando ações emergenciais a fim de permitir a trafegabilidade de veículos. A execução dos serviços também conta com o apoio dos Consórcios Intermunicipais de Infraestrutura.

Confira, abaixo, a relação com os 14 trechos de rodovias baianas e duas pontes que foram atingidas durante o período chuvoso.

Semiárido Nordeste II / Sisal

BA-220: Euclides da Cunha – Monte Santo

A água invadiu a pista na BA-220, entre Monte Santo e Euclides da Cunha, após transbordamento de açude devido às fortes chuvas na região na última quinta-feira (01). A equipe técnica da Secretaria de Infraestrutura da Bahia (Seinfra) está no local nas proximidades do município de Monte Santo monitorando a situação e avaliando a possibilidade de implantação de um novo bueiro para aumentar a vazão da água. A trafegabilidade na rodovia está normal.

BA-130: Ibicuí – Ibitupã

O desvio criado na ponte sobre o Riacho Doce, que havia se rompido devido à enchente do ano passado, cedeu no último sábado (26). O mesmo desvio na BA-130, entre Ibicuí e Ibitupã, cedeu novamente na tarde da última terça-feira (29). A Seinfra recompôs o aterro a fim de normalizar o tráfego. O fluxo foi totalmente liberado e o órgão está com equipe no local para eventuais intervenções em decorrência da chuva.

BA-262: Poções – Nova Canaã

Um deslizamento de terra na pista na BA-262, entre Poções e Nova Canaã, aconteceu na noite da última quarta-feira (30). A Seinfra já está com máquinas, como caçamba e carregadeiras, realizando os serviços de limpeza da pista para dar condições de trafegabilidade. O tráfego no local já foi retomado na manhã de quinta-feira (01).

BA-651: Itapitanga – Coaraci

O desvio criado na ponte sobre o Rio Três Braços, entre Coaraci e Itapitanga, que caiu devido às chuvas do ano passado, cedeu no último sábado (26). As ações para recomposição estão sendo realizadas pela Seinfra e se encontram em fase final. O tráfego de veículos está normal no trecho.

BA-084: Santo Amaro - Oliveira dos Campinhos

Um deslizamento de terra na BA-084, entre Santo Amaro e Oliveira dos Campinhos, nas proximidades do povoado de Nova Conquista, foi registrado na noite da última terça-feira (29). Nesta quarta-feira (30), a empresa responsável pela manutenção na rodovia já iniciou os serviços para desobstrução da rodovia. O trânsito já está liberado.

Ponte no município de Teodoro Sampaio, que liga a BA-515 à BR-101

A ponte em Teodoro Sampaio, que liga a BA-515 à BR-101, está com a situação comprometida. Uma inspeção no equipamento será programada pela equipe técnica da Secretaria de Infraestrutura da Bahia (Seinfra) a fim de realizar as intervenções necessárias.

BA-233: Sátiro Dias – Inhambupe

As fortes chuvas na região do Litoral Norte e Agreste baiano causaram erosões no aterro da BA-233, entre Sátiro Dias e Inhambupe, nas últimas horas. A empresa responsável pela manutenção da rodovia já está realizando os serviços emergenciais a fim de que a pista de rolamento não seja afetada. O tráfego de veículos no trecho está normal.

BA-284: Distrito de Nova Alegria (Itamaraju) – Jucuruçu

Um bueiro na BA-284, entre o distrito de Nova Alegria e Jucuruçu, rompeu no domingo (27) à noite devido às fortes chuvas na região. A ação aconteceu no km 35 da rodovia no sentido saindo Jucuruçu em direção à BR-101. A equipe técnica do órgão já concluiu a recomposição do desvio na BA-284, entre o distrito de Nova Alegria e Itamaraju, que cedeu novamente na noite da última terça-feira (29). O tráfego de veículos na rodovia já está totalmente liberado desde a última quarta-feira (30) e requer atenção do usuário. 

Veja também:

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Segunda, 30 Janeiro 2023

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/