ACM Neto retoma agenda de campanha com carreata em Feira de Santana

PolíticaCandidato a governador

ACM Neto retoma agenda de campanha com carreata em Feira de Santana

Candidato enfatizou a construção do Centro de Convenções da cidade

Crédito: Divulgação

O candidato a governador ACM Neto (União Brasil) afirmou que vai construir um plano regional de desenvolvimento para Feira de Santana e os municípios vizinhos. Neto defendeu também a criação de um projeto permanente para manutenção das estradas baianas, nesta quinta-feira (29). 

Esta é a primeira agenda de campanha após a morte do subtenente Alves, que acompanhava os trabalhos da comitiva Pra Mudar o Brasil, na noite de terça-feira (27), em Itajuípe. Nesta manhã, no velório do militar, ACM Neto cobrou do governo estadual explicações sobre a tragédia - o subtenente foi morto pela própria PM.

"Feira é uma cidade que atrai muitas pessoas, não só da Bahia como também de fora, pela sua força do comércio, pela sua força industrial. E isso pode se expandir ainda mais. Nós vamos, caso tenha oportunidade de ser governador, desenvolver um plano econômico regional a partir de Feira de Santana que terá impacto em toda a região para ativar a economia e assegurar a geração de empregos", ressaltou.

O candidato ponderou que as estradas e rodovias são trechos importantes para o escoamento da produção local, e destacou que nos últimos 16 anos a atual gestão deixou de aplicar verbas capazes de garantir o bom funcionamento rodoviário no estado.

"Infelizmente, nós sabemos que a situação de muitas estradas da Bahia é bem precária pela falta de manutenção e conservação. Nós vamos ter um plano permanente de manutenção das estradas. Vamos construir novos trechos com o foco principal na produção, ou seja, naquelas que significam aumento da produção e do escoamento agrícola", disse em conversa com a imprensa local.

Turismo

Já com foco no turismo da região, ACM Neto enfatizou que a construção do Centro de Convenções da cidade e salientou a necessidade de ampliar o funcionamento do aeroporto da cidade.

"Existem algumas coisas muito importantes a serem realizadas aqui. Por exemplo, precisamos resgatar o projeto de construção do Centro de Convenções que há 16 anos foi abandonado pelo atual governo", criticou.

"Da mesma forma, vamos colocar para funcionar o aeroporto da cidade. Ele está aí, mas tem uma utilidade muito pequena. Esse aeroporto pode ajudar a integrar Feira de Santana com outras cidades, com outros estados do Brasil e, é claro, a escoar produção", finalizou o candidato.
 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Terça, 18 Junho 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/