O desafio do fisiculturista vegano: superação e determinação

Saúde e Bem EstarVeganismo

O desafio do fisiculturista vegano: superação e determinação

Guilherme Abomai opta por estilo de vida contrário às tradições do esporte 

Crédito: Reprodução - portalcidadeivinhema.com.br

Enquanto muitos fisiculturistas seguem uma rotina alimentar rica em proteína animal, Guilherme Abomai escolheu um caminho diferente. O atleta, em busca de sua certificação profissional no esporte, adotou o veganismo há dois anos e meio, desafiando os padrões estabelecidos.

Abomai compete na categoria "open" com uma dieta estritamente vegetal, o que inclui tofu, frutas, proteínas vegetais em pó e até uma inovadora "carne" vegana feita de feijão e soja. Ele destaca que essa mudança trouxe benefícios à sua performance e saúde, contrariando preconceitos e mitos sobre a alimentação vegana.

Guiado por nutricionistas veganos, Abomai destaca a melhora na digestão e a redução da letargia como vantagens da dieta vegana para atletas. Seu desempenho em competições amadoras como o Arnold Classic o impulsiona a buscar o reconhecimento profissional no fisiculturismo, mostrando que é possível alcançar o sucesso seguindo um estilo de vida vegano. 

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Segunda, 20 Mai 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/