Pacientes com dengue devem esperar 30 dias após recuperação para doar sangue

Saúde e Bem EstarOrienta Hemoba

Pacientes com dengue devem esperar 30 dias após recuperação para doar sangue

Fundação divulga orientações durante epidemia de dengue 

Crédito: CamilaSouza/GOVBA

Diante do aumento do número de casos de dengue na Bahia, a Hemoba divulga guia para candidatos à doação, doadores (pós-doação) e pacientes com doenças benignas do sangue. O objetivo é orientar sobre o prazo para doação de sangue após a recuperação completa de voluntários que contraíram algumas das arboviroses (dengue, zika e chikungunya), as medidas preventivas específicas para evitar a infecção por dengue dos pacientes com doenças benignas do sangue, como a doença falciforme, e a conduta transfusional em casos de dengue para a rede de saúde pública e hospitais. A iniciativa faz parte do Dia D de mobilização nacional contra a dengue, promovido pelo Ministério da Saúde, que acontece neste sábado (2) em todo o país.

O tempo de inaptidão para doação de sangue é o seguinte: dengue - 30 dias após recuperação completa; dengue hemorrágica - após 6 meses; zika - 30 dias após recuperação completa; e chikungunya - 30 após recuperação completa. Os doadores que tiveram contato sexual com indivíduos, que receberam diagnóstico clínico ou laboratorial de dengue nos últimos 30 dias, ficam temporariamente impedidos de doar por um período de 30 dias após o último contato sexual com a pessoa. Vale frisar que todo material utilizado para a coleta é descartável, evitando assim o risco de contaminação. Para doar, é necessária apresentação de um documento com foto, emitido por órgão oficial e válido em todo o território nacional.

O Brasil sofre atualmente uma epidemia de dengue, que tem causado um grave problema de saúde pública em todo o país. O aumento do número de casos de dengue está relacionado com períodos quentes e chuvosos, que propicia a proliferação do mosquito contaminado pelo vírus da dengue e que transmite a doença para pessoas por meio de sua picada. Na Bahia, a situação não é diferente. Até 24 de fevereiro, foram diagnosticados 16.771 casos prováveis de dengue no estado, um aumento de quase 100% em comparação ao mesmo período do ano passado, quando foram registrados 8.408 casos. Já foram confirmados no estado cinco óbitos decorrentes da dengue, com vítimas em Ibiassucê, Jacaraci, Piripá e Irecê, conforme análise da Câmara Técnica Estadual de Análise de Óbito. A Secretaria de Saúde do Estado (SESAB) tem mobilizado os gestores municipais, incluindo secretários de saúde e coordenadores da vigilância dos 417 municípios, para fortalecer as ações de combate à doença.

Estoque crítico – Em meio à epidemia de dengue, é mais ainda preocupante o estoque crítico de sangue atualmente na Hemoba, pois para pacientes com suspeita de dengue grave com persistência de sinais de choque, sangramento grave ou disfunção grave de órgãos, pode haver indicação de transfusão de plaquetas, um hemocomponente essencial na coagulação de sangue. Além disso, afeta também o número de inaptos para a doação de sangue. "O estoque crítico que temos no momento não é exclusivamente por baixa coleta. Pelo contrário, nós estamos tendo um número razoável de coletas, mas há um consumo muito elevado de hemocomponentes. Mas estamos preocupados porque frente à epidemiologia da dengue, a gente poderá ter um número maior de inaptidão, e em caso de uma crise epidêmica maior, pode haver o aumento do consumo", alerta Luiz Catto, diretor geral da Hemoba.

Nos meses de janeiro e fevereiro de 2024, foram solicitadas para a Hemoba 30.971 hemocomponentes, um aumento de 12% em relação ao mesmo período de 2023, quando houve 27.683 solicitações. Dentre as solicitações neste ano, cinco foram direcionadas para o tratamento de dengue. Com o estoque crítico dos tipos sanguíneos A-, A+, B+, O- e O+, a Fundação convida a população da Bahia para participar ativamente da doação voluntária de sangue, contribuindo para o tratamento de diversas doenças, entre elas a dengue, e o uso em diversas cirurgias nas unidades hospitalares.

Horário de atendimento - Para atender os doadores, a Hemoba disponibiliza uma unidade móvel no Shopping da Bahia, em Salvador, de 27/2 a 2/3, das 8h às 17h, com intervalo de uma hora para o almoço. As unidades fixas da Hemoba funcionam com o seguinte horário: Hemocentro Coordenador (sede da Hemoba), de segunda-feira a sexta-feira, das 7h30 às 18h30, e aos sábados, das 7h30 às 16h30; Hospital do Subúrbio, de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 16h30; Hospital Ana Nery, de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 12h30 e das 13h às 16h; Hospital Roberto Santos, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h; Hospital Santo Antônio (OSID), de segunda a sexta-feira, das 7h10 às 11h30 e das 13h às 16h.

Neste sábado (2), as unidades da Hemoba em Feira de Santana e Juazeiro estarão em funcionamento para mais um "Sabadão Solidário". Em Feira de Santana, o atendimento ocorrerá das 8h às 13h, enquanto em Juazeiro, será das 7h às 11h30. Para informações sobre os horários de atendimento das 21 unidades de coleta no interior do estado, pode ser consultado o site da Hemoba.

Critérios para doação - Para doar sangue, o candidato tem que estar em boas condições de saúde, pesar acima de 50 kg e ter idade entre 16 e 69 anos. Lembrando que menores de 18 anos devem ir acompanhados dos pais ou responsável legal, e idosos acima de 60 anos só podem doar se já tiverem doado anteriormente. No dia da doação, o voluntário não pode estar em jejum, não ter ingerido bebida alcoólica nas 12 horas anteriores à doação e não ter fumado por pelo menos duas horas antes do procedimento, além de ter dormido por no mínimo seis horas na noite anterior. Também é recomendável que evite alimentos gordurosos nas últimas 4 horas anteriores ao procedimento.

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Segunda, 15 Abril 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/