Polícia Federal realiza desocupação de garimpo ilegal

BrasilAção policial

Polícia Federal realiza desocupação de garimpo ilegal

No primeiro dia de ação, os policiais cumpriram mandados de busca e apreensão

Crédito: Divulgação

A Polícia Federal (PF), com apoio da Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso, concluiu nesta quarta-feira (28), a Operação Mina Bananal, que teve objetivo realizar a desocupação de garimpo ilegal instalado próximo à Reserva Ecológica do Bananal, situada na zona rural do Município de Pontes e Lacerda/MT.

No primeiro dia de ação, os policiais cumpriram mandados de busca e apreensão e desintrusão de garimpo ilegal. Ao chegar no local, as equipes policiais se depararam com um sistema de mina aberto com o emprego de emulsões explosivas, popularmente conhecidas como bananas de dinamite, aditivadas com nitrato de amônia.

Foram localizadas 279 gramas de ouro na posse de nove garimpeiros, que foram presos em flagrante pelos crimes de extração ilegal de ouro, usurpação de matéria prima da União, posse e emprego de artefato explosivo sem autorização e associação criminosa.

Os garimpeiros presos em flagrante foram conduzidos para a Delegacia de Polícia Federal em Cáceres.

Além da desocupação da área atingida pelos garimpeiros, foram inutilizados instrumentos e maquinários empregados na atividade de extração ilegal de ouro, tais como nitrato de amônia, as espoletas utilizadas para ignição dos explosivos e dois galões de 50 litros de diesel, dois geradores à combustão, duas britadeiras elétricas e três detectores de metais. Houve ainda a apreensão de três motocicletas e uma antena de internet via satélite, além do ouro encontrado no local.

Investigações terão continuidade para identificar os financiadores da atividade ilegal, visando descapitalizar essa organização criminosa que, ao usurpar de ouro de origem ilegal, financia diretamente a degradação do meio ambiente, gerando consequentemente um enorme dano social, além do desequilíbrio no mercado financeiro.

O possível envolvimento de proprietários rurais da região também será objeto das investigações.

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Domingo, 14 Abril 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/