Atirador mata 15 e fere mais de 24 pessoas em escola na Rússia

InternacionalMassacre

Atirador mata 15 e fere mais de 24 pessoas em escola na Rússia

Atirador usava camiseta com uma suástica e cometeu suicídio após os crimes 

Crédito: Ilyas Bekmansurov/TASS

Um atirador com uma suástica em sua camiseta matou 15 pessoas, incluindo 11 crianças, e feriu mais de 24 em uma escola na Rússia nesta segunda-feira (26) antes de cometer suicídio, disseram investigadores.

O agressor, um homem de trinta e poucos anos seria, segundo as autoridades, Artem Kazantsev, que matou dois seguranças e depois abriu fogo contra alunos e professores de uma escola em Izhevsk, onde ele havia sido aluno. A cidade fica cerca de 970 quilômetros a leste de Moscou.

O Comitê de Investigação da Rússia, que lida com crimes graves, disse que está investigando suspeitas de ligações neonazistas do agressor.

"Os investigadores estão realizando uma busca em sua residência e estudando a personalidade do agressor, suas opiniões e o ambiente ao redor", disse o comitê em comunicado. "Estão sendo feitas verificações sobre adesão às visões neofascistas e ideologia nazista".

Os investigadores divulgaram um vídeo mostrando o corpo do homem deitado em uma sala de aula com móveis derrubados e papéis espalhados no chão manchado de sangue. Ele estava vestido todo de preto, com uma suástica vermelha em um círculo desenhado em sua camiseta.

O Comitê de Investigação disse que das 24 pessoas feridas, todas, exceto duas, são crianças. O governador regional, Alexander Brechalov, disse o agressor foi registrado em um centro de tratamento "psiconeurológico".

Os investigadores disseram que o homem estava armado com duas pistolas e uma grande quantidade de munição.

O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, afirmou que o presidente Vladimir Putin "lamenta profundamente" as mortes. Ele descreveu o incidente como "um ato terrorista de uma pessoa que aparentemente pertence a uma organização ou grupo neofascista".

A Rússia tem registrado vários tiroteios em escolas nos últimos anos.

Em maio de 2021, um atirador adolescente matou sete crianças e dois adultos na cidade de Kazan. Em abril de 2022, um homem armado matou duas crianças e uma professora em um jardim de infância na região de Ulyanovsk antes de cometer suicídio.

Com informações da Agência Brasil.

Veja também:

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Sexta, 02 Dezembro 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/

Cron Job Iniciado