Ponto e Vírgula 26/01/2022

Ponto e Vírgula 26/01/2022

Sobe - Ministro Lewandowski, por derrubar parte do decreto do governo federal que poderia ensejar na derrubada de cavernas.

Desce - Governo Federal por facilitar, sem fiscalização, a invasão de garimpos ilegais ensejando lama e material químico que faz mudar as cores por poluição do imponente rio Tapajós, conhecido, antes como "Caribe Amazônico".

Cuidado

O processo de invasão dos povos Bárbaros (denominação dada por Roma aos povos do norte) foi lenta, mas fundamental para o enfraquecimento do Império Romano. Portanto, mister se faz, que todos tenham cuidado com seus territórios. Geralmente começam tirando um pedaço aqui, um pedaço alí… isso acontece também em política.

História

As cidades cosmopolitas, a exemplo de Feira de Santana, sempre tivemos visitas de candidatos de outras plagas. Em menor número, num passado um pouco distante, com uma pequena quantidade de fotos. Os líderes locais sempre lutaram para impedir no possível, os "bicões". Feira, em 70, 80 sempre elegeu quatro deputados federais simultaneamente e em igual número, ou mais um pouco, de estaduais. Nas décadas dos anos 2000, esses números minguaram e tem culpados. Esses são os líderes, que não tiveram a força e a sensibilidade para entenderem que, quanto mais deputados, maior o número de emendas diretas para o município.

Atualidade

Atualmente, Feira de Santana tem apenas dois federais, Zé Neto (PT) e Dayane Pimentel (PSL). E estadual, apenas José de Arimatéia (Republicanos), Tom (sem partido) e Targino Machado (DEM) perderam o mandato na justiça e dois suplentes, se tornaram deputados estaduais depois, Carlos Geilson (PSDB) e Angelo Almeida (PSB). Pelo que eu sinto, o quadro não vai mudar muito. Quem vai botar a carapuça?

Porteira arrombada

Hoje, já não se consegue mais enumerar a quantidade dos invasores que chegaram no território de Feira de Santana. Isso, falando sob o ponto de vista político, não é xenofobia, entendam bem. Mesmo os cargos de confiança do governo municipal e estadual, já não obedecem mais ninguém e em política, a força se mostra pela união. Semana passada, a cidade recebeu um candidato que ninguém nunca ouviu falar em Feira e deve receber apoio de lideranças locais, que possivelmente nunca nem foram na cidade onde ele faz política. Ricardo Maia (PSD), que deve ter o apoio dos suplentes de vereador Marcos Lima (DEM), e Nourival Pandú (PSC). Boa sorte.

Pablo e MDB

Ontem (25), o pré-candidato a Deputado Estadual, o secretário de Agricultura de Feira, Pablo Roberto (DEM), esteve com Alex Futuca, presidente do MDB na Bahia, e Lúcio Vieira Lima, ex-deputado federal e membro do partido no estado. Na ocasião, trataram de assuntos políticos envolvendo interesses da Bahia e do Brasil. Também participaram do encontro os vereadores Pedro Américo (DEM), Fabiano da Van (MDB), Jurandy Carvalho (PL), além das lideranças políticas Isaías de Diogo (MDB), Jailson Onofre, Justiniano França (DEM) e Pastor Gerson Andrade.

Fabiano da Van

O vereador da base Fabiano da Van (MDB), deve deixar o mandato de vereador no próximo dia 31, já que José Carneiro (MDB) está voltando, depois de ficar praticamente um ano no executivo municipal, chefiando a Secretaria Municipal de Meio Ambiente.

Tornozeleira eletrônica

O ministro Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal), decidiu nesta segunda-feira (24) substituir a pena de prisão preventiva do ex-deputado do PTB Roberto Jefferson pela de prisão domiciliar. Ele deverá usar, no entanto, tornolezeira eletrônica e está proibido de qualquer comunicação exterior, inclusive nas redes sociais.

Emendas

As emendas parlamentares tiveram aumento de 192%, acima da inflação, de 2016 a 2022. O montante inclui as emendas individuais e de bancada, o Orçamento Secreto e as de comissão. A preservação de emendas de relator acontece ao mesmo tempo em que houve corte de verbas em ministérios.

Queiroga

Apesar do negacionismo do governo Jair Bolsonaro (PL) no combate à Covid-19 e contra a vacina, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, ao ver a proliferação do vírus apelou: "Solicito a colaboração de cada um para que leve aqueles que vocês conhecem para tomar a segunda dose da vacina". O Ministério da Saúde sabe que só o ciclo vacinal completo pode evitar as formas graves da doença. 

Veja também:

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Sexta, 20 Mai 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/