Ao contrário do silêncio de Jair Bolsonaro, Filipe Martins fala por duas horas à PF

PolíticaDepoimento

Ao contrário do silêncio de Jair Bolsonaro, Filipe Martins fala por duas horas à PF

Martins não respondeu perguntas, mas fez 'esclarecimentos pontuais'

Crédito: Reprodução/Redes sociais

Ao contrário da postura do ex-presidente Jair Bolsonaro, o ex-assessor para Assuntos Internacionais do governo do ex-mandatário, Filipe Martins, falou bastante em seu depoimento à Polícia Federal nesta quinta-feira (22).

Martins não respondeu perguntas, mas fez "esclarecimentos pontuais" por cerca de 2 horas à PF sobre a suposta trama para deflagrar um golpe de Estado para impedir a posse de Lula após as eleições de 2022.

Outros dois aliados de Bolsonaro também falaram em seu depoimento à PF: o ex-ministro da Justiça Anderson Torres e o presidente Nacional do PL, Valdemar Costa Neto. Bolsonaro, por sua vez, ficou em silêncio. A única pergunta a qual o ex-presidente reagiu foi quando foi questionado se era "cis", em referência a "cisgênero".

Martins foi preso pela Polícia Federal no dia 8 de fevereiro em Ponta Grossa (PR). A ação foi fruto da delação do tenente-coronel Mauro Cid, ex-ajudante de ordens de Bolsonaro. O ex-assessor está detido na Superintendência da Polícia Federal do Paraná, em Curitiba. Trata-se do mesmo local onde Lula permaneceu por mais de 580 dias preso. 

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Segunda, 15 Abril 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/