Colbert repercute ausência em lançamento de pré-candidatura de Zé Ronaldo, mas reafirma aliança

PolíticaAliança

Colbert repercute ausência em lançamento de pré-candidatura de Zé Ronaldo, mas reafirma aliança

Prefeito de Feira, inclusive, espera ter a oportunidade de indicar o vice de Ronaldo para o pleito municipal deste ano. 

Foto: Divulgação

A ausência do prefeito de Feira, Colbert Martins Filho, no lançamento da pré-candidatura de José Ronaldo (União) ainda rende questionamentos, principalmente após o chefe do Executivo revelar que não foi convidado para o evento.

Ao Bom Dia Feira, Colbert reafirmou que não compareceu ao evento porque não foi pessoalmente convidado pelo pré-candidato para estar lá.

'Eu estive com o Zé Ronaldo na véspera, na antevéspera, no domingo, e ele me disse que não tinha convidado a ACM Neto e que os convites estavam nas redes sociais. Eu disse a ele que eu agradecia muito, que quando ele quisesse me convidar, eu estaria ao lado dele onde ele precisasse estar. Agora, nessa condição, eu preferia não estar presente, tanto quanto, eu acho, da mesma maneira que ACM Neto', explica.

A posição, porém, de acordo com o prefeito, não interfere na aliança entre os dois. Colbert, inclusive, espera ter a oportunidade de indicar o vice de Ronaldo para o pleito municipal deste ano.

'De qualquer forma, isso não altera nada do que vai ocorrer agora até o dia 6 de outubro. O importante é que quando acontecer a convenção partidária, aí eu tenho certeza que todos nós estaremos juntos no mesmo lado. Isso também não impede absolutamente nada nessa relação de grupo que temos, Zé Ronaldo foi aquela figura que nos participou do grupo o tempo inteiro e quando nós nos aproximamos, indicamos o Luciano Ribeiro como candidato a vice, depois eu mesmo fui o candidato a vice e quando eu fui colocado na condição de disputar para prefeito, a indicação de Fernando de Fabinho. Portanto, eu acho absolutamente natural essa questão que eu inclusive coloquei para ele, que eu acho que é possível sim eu fazer a próxima indicação de vice', aponta.

O atual prefeito não pode concorrer à reeleição e, terminado o ano, com a passagem de governo, o futuro político, apesar de incerto, continua no radar de Colbert.

'Eu vou voltar para a universidade onde eu sou professor, não me aposentei, portanto, eu continuo trabalhando. Trabalhando e politicamente, acontecendo algum tipo de interesse coletivo de todos nós, eu estou pronto e disposto para poder ver o que é que nós podemos fazer e como vamos fazer também. Eu entendo que eu contribuí, mas está na hora disso também, de deixar as oportunidades para quem puder estar chegando, eu não tenho nenhuma dificuldade em entender que o momento da transição que nós temos que aprender a fazer, precisamos começar a fazer já. O melhor momento de você aprender não é entrando, o melhor momento é você aprender saindo, porque é preciso que a gente saiba construir essas boas alternativas e eu estou disposto, disponível', afirma. 

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quinta, 13 Junho 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/