Operação ostensiva em Feira de Santana ganha reforço de novos PMs

Segurança​Centro da cidade

Operação ostensiva em Feira de Santana ganha reforço de novos PMs

O policiamento vai ser intenso até início do mês de Janeiro de 2022 

Crédito: Divulgação/64ª CIPM
Com o final do ano se aproximando, a tendência mesmo com a pandemia é que o movimento no comércio de Feira de Santana aumente, com a vinda de pessoas de outros municípios em busca de opções variadas no comércio feirense. Com mais pessoas na rua, a Polícia Militar desde o último sábado (20), deflagrou a sua operação ostensiva de fim de ano e desta vez conta com o reforço de novos PMs. A Comandante da 64ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), major Lilian Nascimento, disse que o policiamento vai ser intenso até início do mês de Janeiro de 2022.

"Esse ano iniciamos mais cedo, no dia 20 de novembro, no último sábado, vamos estender essa parte de reforço até a próxima semana e retornando no mês de dezembro, esse reforço para proporcionar essa segurança tão necessária nesse momento de atividades econômicas intensivas, atividades comerciais tão forte".

"Já percebemos um fluxo maior de pessoa e de veículo em Feira de Santana, tudo isso motivado já pelas festividades natalina. Nosso comércio está voltando com todas atividades plenas e estamos aí reforçando esse policiamento para proporcionar essa sensação de segurança e a segurança propriamente dita. Estamos com esse policiamento empregado em patrulha e a partir de manhã em dupla (Cosme e Damião). Justamente para fazer frente essas necessidades, para atender aos calçadões, as nossas ruas, as nossas avenidas de forma mais ostensiva".

A comandante classifica como oportuno o reforço. "Esse reforço vem de forma muito apropriada a gente percebeu essas necessidades e o 1° BEIC (Batalhão Escola) urgentemente nos proporcionou esse reforço efetivo de soldados em formação e está sendo uma experiência muito boa, tanto para nós, quanto para eles", afirma. "É um momento de reforçar mesmo, de estar mais presentes nas ruas recebendo esse efetivo para complementar nosso policiamento, que a gente já faz: policiamento motorizado, em duas rodas, em quatro rodas, e no P.O (Posto Operacional) a pé. Com isso alcança uma capilaridade maior, justamente por essas facilidades de locomoção que temos nos calçadões", explicou a major.

DICAS

A major Lilian faz uma grande orientação de cuidados ao se dirigir ao Centro da Cidade nesse período. "As pessoas têm que ter atenção quando se dirigir ao Centro da Cidade, é um momento de muito movimento com fluxos de pessoas. Então a gente pede que as pessoas tenham cuidado com seus pertences, que evitem, andar com o celular nas mãos, justamente para conseguir evitar esses pequenos furtos, pequenos roubos".

"Prestamos essas dicas de segurança para que as pessoas tenham mais atenção ao andar, caminhar fazendo suas compras, evitar andar com bolsas abertas, bolsas nas costas, porque é um momento de distração, porque existem pessoas ali que aproveita a distração e comete esses pequenos furtos e roubos", finalizou a major.
 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Terça, 07 Dezembro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/