Brasil tem melhor temporada da história de ginástica rítmica

EsportesJogos Pan-Americanos

Brasil tem melhor temporada da história de ginástica rítmica

Brasil pode sediar Mundial de Ginástica Rítmica ainda em 2025  

Crédito: CBG

O Brasil formalizou nesta terça-feira sua candidatura para sediar o Campeonato Mundial de Ginástica Rítmica em 2025, e os recentes êxitos da modalidade no país evidenciam o potencial para realizar o evento no Rio de Janeiro. A coreógrafa e treinadora do conjunto brasileiro, Bruna Martins, destacou que os expressivos resultados da ginástica rítmica nacional credenciam o Brasil como uma potência capaz de sediar um campeonato de tamanha importância. A Confederação Brasileira de Ginástica, por meio de um protocolo em Brasília na última terça-feira, formalizou a candidatura junto à FIG (Federação Internacional de Ginástica), contando com o apoio do ministro do esporte, André Fufuca.

As temporadas de 2022 e 2023 foram marcadas pelos melhores desempenhos da ginástica rítmica brasileira. Bárbara Domingos conquistou a 11ª posição no individual geral no Mundial de 2023, carimbando seu passaporte para os Jogos Olímpicos de Paris-2024, em um feito histórico para a atleta e para o país. O conjunto, após ficar em 5º lugar no geral em 2022, alcançou a 6ª posição em 2023, assegurando uma vaga olímpica direta pela primeira vez na história, fruto de um trabalho sólido desenvolvido ao longo dos anos, conforme destacou a técnica do conjunto, Camila Ferezin.

Após as conquistas diretas de vaga para Paris-2024, as ginastas brasileiras brilharam nos Jogos Pan-Americanos de Santiago-2023, garantindo todos os ouros da competição. O conjunto, liderado por Nicole Pircio, dominou as provas gerais, simples e mistas, conquistando três medalhas de ouro. No individual, Babi Domingos alcançou cinco medalhas, incluindo três ouros e duas pratas, destacando-se ao levar o título no individual geral, uma marca inédita para o Brasil nos Pans. Maria Eduarda Alexandre também contribuiu com dois ouros, nas maças e no arco, evidenciando o brilhante futuro da ginástica rítmica brasileira.

Esses sucessos recentes fortalecem a candidatura do Brasil para sediar o Mundial de Ginástica Rítmica em 2025, com o ministro do esporte, André Fufuca, expressando o apoio e a confiança no potencial do país para realizar o evento na Cidade Maravilhosa, o Rio de Janeiro. 

 

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Terça, 05 Março 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.jornalfolhadoestado.com/